Skip to main content

América Latina e Caribe

Na América Latina e no Caribe, o trabalho da Open Society Foundations abrange a reforma das políticas de drogas e redução da violência, a promoção da transparência governamental e da liberdade de imprensa, e a expansão da participação das mulheres na política.


Escritórios e fundações

Rio de Janeiro, Brazil

Bogota, Colombia

Mexico City, Mexico

Port-au-Prince, Haiti

  1. Rio de Janeiro, Brazil
  2. Bogota, Colombia
  3. Mexico City, Mexico
  4. Port-au-Prince, Haiti
  • Map icon for foundation officesEscritórios da fundação
  • Map icon for geographic program officesEscritórios de programas regionais

Em números

$38.2M Orçamento de 2020 para a América Latina e o Caribe
5.5% Porcentagem do orçamento global
5.2% Alteração média anual no orçamento desde 2016

Orçamento regional por ano

Explore todo o orçamento por tema e região

Nosso trabalho

Liderado por nosso Programa para a América Latina, nosso trabalho na América Latina e no Caribe é amplo e inclui questões como transparência governamental, liberdade de imprensa, redução da violência e aumento da participação política das mulheres.

Respondendo à COVID-19

Enfermeiros examinam um homem em sua casa
Enfermeiros examinam um homem com possíveis sintomas de COVID-19 em sua casa, em São Paulo, Brasil, 19 de abril de 2020. © Andre Lucas/picture alliance/Getty

A pandemia da COVID-19 atingiu países da América Latina – mas com particular gravidade no Brasil, onde o presidente Jair Bolsonaro se opôs às restrições públicas que demonstraram retardar a disseminação do vírus.

Nossa fundação regional respondeu com financiamento de emergência para uma série de respostas em toda a região. No Brasil, estamos apoiando grupos comunitários nas favelas do Rio de Janeiro trabalhando em ações de conscientização sobre medidas preventivas e entregando cestas básicas. Na Colômbia, apoiamos uma iniciativa para proteger os afrodescendentes e outros na costa do Pacífico. No México, estamos ajudando a financiar uma campanha para que os dados sobre a pandemia e sobre a capacidade médica de cada estado sejam totalmente abertos ao público.

Reforma da política de drogas

Um grupo de mulheres caminha por uma plantação de coca.
Um grupo de mulheres trabalhando em uma plantação de coca na cidade boliviana de Arapata. © Susana Giron/Cordon Press/Redux

Na Colômbia, nosso Programa de Política Global de Drogas financia esforços para desenvolver usos comerciais benéficos para a folha de coca que podem ajudar os pequenos produtores, como uma alternativa às campanhas de erradicação de plantações. Na Bolívia, defendemos um modelo de controle da coca que permita aos agricultores cultivar legalmente uma quantidade limitada e regulamentada de folhas de coca, um elemento-chave da vida andina há 4.000 anos. O modelo reduziu o cultivo de coca, diminuiu a violência e ajudou a estabilizar as economias rurais. 

Reduzindo a violência

Uma menina vestida de anjo olha para a câmera durante uma manifestação contra a violência em Morelia, México.
Uma menina vestida de anjo participa de uma manifestação contra a violência em Morelia, México, 4 de junho de 2011. © Porfirio Gonzalez/Getty

As cidades da América Latina apresentam algumas das taxas mais altas de crimes violentos do mundo, muitos deles ligados à violência de gangues. Nosso Programa para a América Latina tem apoiado grupos que buscam melhorar a segurança pública por meio de uma abordagem baseada na comunidade que vai além da dependência de policiamento punitivo, envolvendo grupos de jovens e empresas locais. 

Direitos da mulher

A woman holds aloft a sign with a picture of the slain activist and elected official Marielle Franco in São Paulo, Brazil.
A woman holds a sign with a portrait of slain activist and elected official Marielle Franco in São Paulo, Brazil on April 14, 2018. © Cris Faga/NUR/Newscom

O trabalho do Programa de Direitos da Mulher da Open Society inclui grupos de financiamento que apoiam os direitos reprodutivos das mulheres em uma região onde muitos governos têm políticas restritivas e conservadoras sobre o assunto. Também buscamos fortalecer o papel das mulheres e das questões femininas na vida política e na imprensa.

Independência da imprensa

A woman stands next to a missing-person poster in Cuidad Juarez, Mexico.
A reporter for the newspaper El Diario in Cuidad Juarez, Mexico. © Timothy Fadek/Redux

Na América Latina, a Open Society Foundations apoia esforços para proteger jornalistas de ameaças e violência que podem enfrentar ao fazer seu trabalho. Também procuramos manter reportagens investigativas independentes sobre questões que podem ser ignoradas pela grande imprensa por razões políticas ou comerciais. 

Leia mais

Subscribe to updates about Open Society’s work around the world